Ângela Bismarchi fala sobre conversão e livro inspirado em Maria Madalena: “Ela se modificou”

Convertida, Ângela Bismarchi irá escrever livro sobre Maria Madalena – Foto: Reprodução/ Instagram

Agora convertida, Ângela Bismarchi contou que decidiu seguir com maior afinco a religião após um “chamado do Espírito Santo”.

Ao CENAPOP, a apresentadora e modelo falou sobre essa mudança de vida e contou parte de seus planos para o futuro — que inclui o lançamento de um livro inspirado na história de vida de Maria Madalena.

“[A conversão se deu] ao receber um chamado do Espírito Santo. Muitos são chamados, mas poucos são os escolhidos. Eu estava no meu quarto quando ouvi uma voz linda junto a um farfalhar de vento e folhagens. A voz me dizia: ‘Vem!’ E repetiu mais duas outras vezes confirmando. E eu respondi três vezes: ‘Jesus’”, explicou Ângela.

Após o batismo, que aconteceu no dia 29 de janeiro deste ano, em um rio em Tanguá, em Rio Bonito, no Rio de Janeiro, a modelo e o marido, o cirurgião plástico Wagner de Moraes [que também recebeu o sacramento], resolveram investir em projetos mais ligados à religião.

O batismo de Ângela Bismarchi e Wagner de Moraes aconteceu em Rio Bonito, no Rio – Foto: Arquivo Pessoal

Um desses novos projetos é o livro Maria Madalena, Mulher de Deus, ainda sem data de lançamento definida.

Ao CENAPOP, Ângela rtambém evelou o motivo pelo qual decidiu escrever um livro inspirado na história de Maria Madalena:

“Por ser Maria Madalena uma apóstola de Jesus, e por ela ter o acompanhado por todo seu ministério. Ela era uma pecadora que se modificou ao ver Jesus”, explicou.

Após se converter, Ângela Bismarchi se desfez de todo o seu acervo de fantasias de carnaval, e também mudou parte do guarda-roupas.

Após as mudanças, a apresentadora contou que continua fazendo seus trabalhos normalmente:

“Apenas abandonei certas coisas desse século e passei a imitar, como Paulo, os passos de Jesus. Continuo fazendo meu trabalho normal”, completou.

Veja mais notícias de famosos.

Comentários