Bela Gil conta como se protegeu do zika vírus durante gravação: “Usava repelentes caseiros”

Bela Gil está no quinto mês de gravidez - Foto: Reprodução/Instagram

Bela Gil está no quinto mês de gravidez – Foto: Reprodução/Instagram

Bela Gil comentou a sua preocupação com o Zika vírus durante sua gravidez e revelou, em entrevista para o jornal O Globo, publicada nesta quarta-feira (24), como tem se protegido.

Para gravar a nova temporada de seu programa, Bela Cozinha, do canal GNT, ela precisou ficar em um local arriscado: “Fiquei bem preocupada no começo porque estava gravando no meio do mato, na serra do Rio, onde há muito mosquito. Usava meus repelentes caseiros, feitos com óleo de neem e cravo de uma em uma hora. E contava com a fé”. Esse óleo é obtido a partir das amêndoas presentes nas sementes de Neem, árvore de grande porte, nativa da Índia.

No quinto mês de gravidez, a apresentadora ainda não escolheu o nome de seu segundo filho: “Eu tinha muitas ideias para nome de menina, mas, quando descobri que era menino, fiquei sem muita opção. Tenho dois irmãos e sete sobrinhos, todos com os nomes que eu colocaria no meu filho. Ainda estou pensando”. Casada com João Paulo Demasi, ela já é mãe de Flor, de sete anos.

Além disso, Bela contou que a gestação mudou alguns de seus hábitos alimentares: “No começo, queria comer muita coisa azeda e cítrica como grapefruit, água com limão, folha de azedinha… Colocava limão em tudo. Também rejeitei os doces, não conseguia pensar em doce, só salgado”.

Comentários