Dez vezes campeã brasileira de fisiculturismo e bicampeã do Arnold Classic, Aline Barreto dá dicas para quem vai competir

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto faz o maior sucesso nas redes sociais e nos campeonatos de fisiculturismo. No Instagram, ela tem quase 1 milhão de seguidores e como atleta, uma recordista: são dez títulos de campeã brasileira e dois no Arnold Classic Brasil

Para quem quer saber a fórmula do sucesso. Ela conta o que é fundamental.

“Sobre a preparação para campeonatos, como atleta, posso afirmar com propriedade que para uma boa preparação, em primeiríssimo lugar é fundamental o acompanhamento de profissionais qualificados, quais sejam; na área de educação física (TREINADOR/COACH) e nutrição ESPORTIVA. Friso bem essa especialização “esportiva” pois não escolher um nutricionista especializado na área pode frustrar seus resultados, já que estamos falando de campeonatos de fisiculturismo. Na minha opinião, sem o auxílio desses dois profissionais é praticamente impossível uma preparação de qualidade”

“É fundamental ter esse cuidado na escolha de quem irá montar todo planejamento de treino, dieta e suplementação, pois não é só treinar e fazer dieta; cada categoria tem seus critérios determinados pela Federação escolhida, e o treinador em parceria com o nutricionista esportivo tem que estar ciente de cada detalhe, pois estes é que vão direcionar os árbitros na escolha do campeão”, acredita.

A musa fitness diz que o entrosamento entre os profissionais que preparam o fisiculturista é necessário para um bom desempenho do atleta.

“Outro ponto que vale ressaltar é que treinador e nutricionista, tem que “falar mesma língua” estando com métodos e estratégias alinhadas para que a dieta seja elaborada suprindo as necessidades do treinamento diário, bem como suas divisões, como por exemplo, no dia do treino de membros inferiores, o gasto calórico é maior e a dieta deve suprir tais necessidades, caso contrário, o atleta pode sofrer as consequências deste desequilíbrio podendo até catabolizar, ou seja perder massa muscular, o que seria extremamente prejudicial ao atleta”.

“Particularmente, além da escolha de profissionais qualificados, no primeiro ano de estreia, estudei muito os critérios da minha categoria, WELLNESS Fitness, que é uma das mais difíceis de serem julgadas, pois não basta estar com o SHAPE em dia; na hora do julgamento a arbitragem analisa todo o conjunto. Além do físico, é avaliado outros pontos que são muito importantes também, como: Presença de palco; Simpatia; Tônus muscular moderado; Aparência saudável; Beleza facial; Beleza estética; Cabelo; Maquiagem; Biquíni; Tom de Pele Bronzeada e Uniforme; Proporção e simetria de um corpo feminino tonificado, e por último mais não menos importante, preservando sempre a feminilidade”, conta.

Aline fala também que o conhecimento dos critérios das categorias é tão importante que será a partir daí que o treinador irá sugerir qual categoria o biotipo da pessoa se enquadra melhor.

“Assim evita que o (a) atleta entre em uma categoria que não tem nada a ver com ele (a), e infelizmente vejo muito isso acontecendo nos campeonatos de fisiculturismo. Mas antes de todas as sugestões acima, cabe ao atleta se comprometer a dar seu máximo, fazer o trabalho da melhor forma possível, com amor, com paixão pelo esporte e realmente “querer” e estar 100% focado e fazer o que for preciso para finalizar sua preparação com um SHAPE altamente competitivo; seguindo à risca todo planejamento de treino, dieta e suplementação.
Mergulhar de cabeça mesmo. Literalmente vestir a camisa do seu “sonho” tendo em mente que não vai ser fácil, porem a satisfação da conquista não poderá ser definida em palavras e sim com emoções e sentimentos indescritíveis
”, finaliza.

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Aline Barreto (Fotos : Marcos Mello / Divulgação)

Comentários