Alexandre Nero torce por morte do Comendador: “A dramaturgia perde com um final feliz”

Alexandre Nero como José Alfredo em "Império" (Crédito:Globo/João Miguel Júnior)

Alexandre Nero como José Alfredo em “Império” (Crédito:Globo/João Miguel Júnior)

Apesar de parte de o público torcer para que o Comendador José Alfredo, de Império, termine a novela vivo, Alexandre Nero, que interpreta o protagonista quer ver o contrário. Em entrevista para o site oficial da trama, publicada nesta terça-feira (10), o ator contou o que espero do desfecho da história.

Nos próximos capítulos, José Alfredo enfrentará o filho José Pedro (Caio Blat), ao descobrir que ele é seu inimigo Fabrício Melgaço: “Eu gostaria que ele morresse. Acho bonita a morte heroica. Só os fracos ficam vivos. Um herói morre! As pessoas falam da morte como se fosse uma coisa ruim. Acho uma pena isso. A morte faz parte da vida. Morrer é a única certeza. Torço para que o Comendador não volte vivo (do confronto)”.

O ator ainda comentou: “As pessoas querem um final feliz, mas acho que a dramaturgia perde com um final feliz”.

Já em relação à cena em que o Comendador mata Maurílio (Carmo Dalla Vecchia), Nero contou: “Foi justa e foi bonita. Achei muito belo o que o Carmo fez. Achei bem legal o ódio do Comendador em relação ao Maurílio, ele foi um cara que passou a perna, encheu o saco do Zé por muito tempo. O ódio que o Comendador sentiu na cena foi muito legal. Eu gostei da cena, acho que vai ficar muito bonita”.

Comentários